Um recomeço com gosto de morango

A crise na Venezuela fez Rosa perder o emprego. Matriarca da família, ela tomou a difícil decisão de deixar seus filhos e netos no país e migrar para o Brasil em busca de uma oportunidade de trabalho que garantisse melhor condição de vida a todos os seus familiares.

Em Roraima, foi ajudada pela nossa parceira Pastoral Universitária, que promoveu sua interiorização para a cidade de Bueno Brandão, em Minas Gerais.

Rosa foi recebida na cidade pelo padre Odair, da paróquia católica local, ganhou um pedaço de terra para plantar e dele fez sua grande oportunidade para trazer a família para viver com ela novamente: passou a cultivar e vender morangos na região.

Recentemente, o Refúgio 343 promoveu a interiorização dos filhos, genros e netos de Rosa. Hoje todos vivem juntos na cidade: os adultos se dedicam à plantação de morangos e as crianças já estão todas matriculadas na escola. Agora, com a ajuda da comunidade local, Rosa está construindo sua casa própria em Bueno Brandão.

Um recomeço com gosto de morango!

Quer fazer parte desse trabalho humanitário com a gente? Clique aqui e saiba como!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *